Buscar
  • Nutr. Bianca Oliveira

Coenzima Q10 e uso de estatinas

Nosso corpo é capaz de produzir coenzima Q10, porém essa produção vai decaindo após os 30 anos.

A coenzima Q10 está envolvida numa série de ações no organismo, dentre elas:

✔ Geração de ATP (energia). ✔ Melhora da performance esportiva. ✔ Regeneração das vitaminas C e E. ✔ Redução do LDL colesterol. ✔ Controle dos batimentos cardíacos. ✔ Ação potente antioxidante lipossolúvel. ✔ Ação vasodilatadora. ✔ Respiração celular aeróbica. ✔ Auxilia queima de gordura pela beta oxidação (uso da gordura como energia). ✔ Cardioproterora. ✔ Melhora firmeza da pele. ✔ Previne formação de ateromas por sua ação antioxidante lipolítica. ✔ Alguns estudos ainda mostram capacidade antihistaminica.


Usa estatinas ? Saiba que as estatinas interferem na produção de coenzima Q10 no organismo, devido inibição da HMG-CoA, sendo assim, pacientes que fazem uso de estatinas são fortíssimos  candidatos a suplementação.


Outro detalhe é que a sua absorção é muito superior na forma sublingual.


Existem dois tipos de coenzima Q10, ubiquinona e ubiquinol, o Ubiquinol é a forma metabolicamente ativa e tem ação 10x mais potente que a ubiquinona. ⚬ A dosagem é individualizada e depende do objetivo, seu nutricionista vai avaliar a melhor forma de prescrição.


Não faça suplementação por conta própria, até porque existem contra indicações e possíveis efeitos colaterais como insônia, hipoglicemia, hipotensão, interação com anticoagulantes e outros.

0 visualização

Tel.: (21) 3864-5820

Whatsapp: (21) 98296-3569

Rio de Janeiro: Rua Dr Thibau, 80 - sala 104 - Centro, Nova Iguaçu - RJ